Câncer de mama também atinge os homens

0
314

No calendário da saúde, o Novembro Azul é o mês que aborda a saúde do homem em geral. Pensando nisso, a Sociedade Brasileira de Mastologia lançou a campanha de conscientização ao câncer de mama, doença que também acomete o sexo masculino.

O presidente da SBM, Antonio Luiz Frasson, salienta que a discriminação se torna inimiga para a descoberta precoce da doença.  “O principal motivo dessa demora no diagnóstico é o preconceito. Pelo fato do câncer de mama ter as mulheres como alvo, há uma falta de conscientização sobre a importância dos exames de rotina”.

novembro azul 1

Todas as pessoas, homens ou mulheres, nascem com células e tecidos mamários. Mesmo que os homens não desenvolvam seios que produzem leite, as células e tecidos mamários de um homem ainda podem desenvolver câncer.

Apesar de a doença atingir, principalmente, mulheres, para o sexo masculino ocorre em menor quantidade – um caso diagnosticado para cada 100 casos em mulheres. Os principais inimigos do diagnóstico são a falta de informação e o preconceito, já que os homens têm menor propensão a procurar médicos, e quando procuram encontram dificuldade de acesso. 

O câncer de mama no homem é relativamente raro antes dos 35 anos, acima desta idade sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA) e dados disponibilizados pelo Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus), estima-se 59.700 novos casos da doença no Brasil. Em 2017, o número de mortes totalizou em 16.927, sendo 16.724 mulheres e 203 homens.

Sintomas

Retração de pele, aparecimento de nódulos ou caroços, secreção pela aréola (mamilo), gânglios ou ínguas nas axilas são os sintomas mais comuns de câncer de mama em homens, além de vermelhidão na área do peito e coceira.

De acordo com dados do INCA, disponibilizados pelo Ministério da Saúde, outros fatores de risco são condições que podem aumentar o nível de estrogênio no corpo, como obesidade, alcoolismo, doença hepática, síndrome de Klinefelter (quando uma pessoa do sexo masculino apresenta um cromossomo X a mais); e radioterapia prévia para a área do tórax.

É possível prevenir?

O INCA alerta que cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis, são eles:

Tratamento

Para o câncer de mama masculino o tratamento é semelhante ao feminino. A cirurgia está indicada para praticamente todos os casos. No homem, devido ao pequeno volume do tecido mamário, existe maior probabilidade de o câncer infiltrar na pele e no músculo posterior do peito, provocando metástase.

Quanto mais cedo o tratamento iniciar, menor a extensão da cirurgia e menor a necessidade de receber quimioterapia e radioterapia.


Atenção: as informações apuradas e publicadas no portal pretendem conscientizar e apoiar a causa. No entanto, não substitui a consulta médica. Procure sempre uma avaliação com os serviços de saúde e profissional adequado.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here