Ministro Augusto Heleno tem teste positivo para coronavírus

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, general Augusto Heleno, confirmou nesta quarta-feira (18) que teve resultado positivo em segundo teste para o novo coronavírus. O teste foi realizado pelo Hospital das Forças Armadas, em Brasília, e será realizada uma contraprova pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

“Informo que o resultado do meu segundo exame, realizado no HFA, acusou positivo. Aguardo a contraprova da FioCruz. Estou sem febre e não apresento qualquer dos sintomas relacionados ao COVID-19. Estou isolado, em casa, e não atenderei telefonemas”, disse o ministro em publicação no Twitter.



Idosos são mais vulneráveis ao coronavírus


O ministro Augusto Heleno, de 72 anos, está dentro do grupo de risco da doença em função da idade. Os idosos e pacientes de doenças crônicas fazem parte do grupo que mais causa preocupação com a pandemia de Covid-19.

O general fez parte da comitiva da viagem do presidente Jair Bolsonaro aos Estados Unidos neste mês. Antes dele, o secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajngarten, que também integrou a comitiva, já havia tido exame positivo para o novo coronavírus. Ao menos 14 pessoas da comitiva testaram positivo para Covid-19. Já o exame do ministro da Defesa, Fernando Azevedo, deu negativo. Assim como o do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com a última atualização do Ministério da Saúde, o Brasil tem 291 casos confirmados da doença e 8.819 em investigação. Uma pessoa morreu.

Infohealth
Primeiro site de notícias de saúde do Brasil.

Faça um comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Redes Sociais

2,677FãsCurtir
603SeguidoresSeguir
54SeguidoresSeguir

Atualizações

Aplicativo Coronavírus-SUS ajudará a rastrear contatos de infectados com covid-19

O sistema conserva a privacidade, tanto do paciente infectado como da pessoa que recebe a notificação da possível exposição com o caso confirmado para a covid-19.

OMS alerta jovens sobre covid-19 “não são invencíveis”

Apesar dos jovens não serem a maioria dos mortos pela Covid-19, não se sabe quais serão os efeitos a longo prazo da infecção.

O que os números dizem sobre o novo coronavírus e a Covid-19 no Brasil

A contagem de pessoas infectadas desde o início da pandemia atingiu o total de 2,5 milhão.

Sua autoestima não depende só do que você vê no espelho

A busca por uma melhor autoestima tem sido, cada vez mais, um dos motivos para iniciar um...

Rússia anuncia que deve aprovar vacina contra coronavírus em agosto

O país, no entanto, ainda não apresentou dados científicos que comprovem a segurança e a eficácia do medicamento.