Mortes por Covid-19 sobem para 57 no Brasil

O número de mortes por Covid-19, doença relacionada ao novo coronavírus, subiu para 57 no país, conforme atualização do Ministério da Saúde publicada nesta quarta-feira (25). Pela primeira vez desde o início da pandemia, foram registradas mortes fora dos epicentros do surto no país, São Paulo e Rio de Janeiro. Os óbitos ocorreram em Pernambuco, no Rio Grande do Sul e no Amazonas.

O total de mortes marca um aumento de 11 em relação a terça-feira (25), quando a contabilização marcava 46 vítimas que vieram a óbito por conta da infecção. Na segunda-feira (24), eram 25 falecimentos. 

Do total das mortes por Covid-19, 48 foram em São Paulo, seis no Rio de Janeiro, uma no Amazonas, uma no Rio Grande do Sul e uma em Pernambuco.

O total de casos confirmados aumentou para 2433 casos. Os últimos dados marcaram um aumento de 28% nos casos em relação ao início da semana, quando foram contabilizadas 1.891 pessoas infectadas.

Como local de maior circulação do novo coronavírus no país, São Paulo também lidera o número de pessoas infectadas, com 862 casos confirmados. Em seguida, o Rio de Janeiro (370), Ceará (200), Distrito Federal (160), Minas Gerais (133) e Rio Grande do Sul (123).

Também registram casos confirmados Santa Catarina (109), Bahia (84), Paraná (81), Amazonas (54), Pernambuco (46), Espírito Santo (39), Goiás (29), Mato Grosso do Sul (24), Acre (23), Sergipe (16), Rio Grande do Norte (14), Alagoas (11), Mato Grosso (oito), Maranhão (oito), Piauí (oito), Roraima (oito), Tocantins (sete), Pará (sete), Rondônia (cinco), Paraíba (três), e Amapá (um).

O Ministério da Saúde recomenda o isolamento a quem apresenta sintomas da covid-19 e a moradores da mesma residência do paciente sintomático, bem como a idosos acima de 60 anos, pelo prazo de 14 dias. Uma vez terminado esse período, não haveria mais necessidade da medida, a não ser em casos de uma condição médica específica.


VEJA MAIS:
Desafios na saúde: qual estratégia sua empresa pode usar para enfrentá-los?
Covid-19: Porto Alegre restringe circulação de maiores de 60 anos
Governo de SP determina quarentena em todo o Estado


Foto: Marcello Casal Jr | Agência Brasil

Infohealth
Primeiro site de notícias de saúde do Brasil.

Faça um comentário

Deixe seu comentário

Artigos Relacionados

Reino Unido aprova vacina contra Covid-19 e anuncia imunização a partir da próxima semana

A vacina é administrada em duas injeções, com 21 dias de intervalo, sendo a segunda dose um reforço. A imunidade começa a se manifestar após a primeira dose, mas atinge o efeito total sete dias após a segunda dose.

Redes Sociais

3,814FãsCurtir
603SeguidoresSeguir
56SeguidoresSeguir

Atualizações