5 motivos para incluir banana na alimentação

A fruta queridinha dos brasileiros é uma forte aliada para alcançar a boa saúde e uma alimentação saudável. Encontrada em todo o país, não importa a estação, a banana é rica em fibras, potássio, vitaminas C e A, promovendo energia e muitos benefícios ao organismo. Possui também grande quantidade de vitaminas B1, B2, B6 e B12, além de magnésio, cálcio, ferro e ácido fólico.

A banana contém três tipos de açúcares naturais: sacarose, frutose e glicose, que combinados com as fibras, promovem grande energia: como tem 22% de carboidratos, ela é realmente mais calórica do que algumas outras frutas: uma unidade (70 g) de banana-prata fornece 62 calorias.

Quando a banana está verde, ela é rica em amido e amido resistente. Quando amadurece, esse amido se transforma em açúcar. Por isso, mais de 90% da composição das bananas são carboidratos, e ela acaba tendo baixos níveis de proteínas e gorduras. Os açucares da banana — sacarose, frutose e glicose — quando combinados com sua fibra, promovem grande energia ao corpo. Mesmo com alto valor nutricional, a fruta provoca sensação de saciedade e pode fazer parte da alimentação se consumida com moderação, sem contribuir para o ganho de peso.

Confira 5 motivos pelos quais você deve incluir a banana na sua alimentação!


1. Ajuda a combater a anemia

A anemia é uma doença caracterizada pela carência de um ou mais nutrientes essenciais. A mais comum delas é a anemia ferropriva, expressa pela falta de ferro no corpo. A banana, por sua vez, contém uma quantidade considerável de ferro que estimula a produção de hemoglobina e ajuda nos casos de anemia, além de também para preveni-la.

Portanto, incluir a banana na alimentação é uma maneira eficiente de ajudar a combater a anemia.


2. Recuperação muscular

A banana sempre foi famosa por ajudar a evitar as câimbras. Isso acontece porque esta fruta contém magnésio, que ajuda a relaxar os músculos, a transportar energia e também auxilia a síntese de proteínas.


3. Disposição física e mental

Como descrito anteriormente, a banana possui três tipos de açúcares naturais: frutose, sacarose e glicose, e isso faz com que os estoques de energia do corpo sejam regulados. Dessa forma, o cansaço físico e mental é reduzido.

Incluir a banana na alimentação ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue elevados, combatendo o cansaço.


4. Sistema nervoso

Por ser rica em vitaminas do complexo B – B1, B2, B6 e B12 – a banana atua diretamente no sistema nervoso, promovendo maior equilíbrio no sistema.

A fruta também concentra alguns antioxidantes que têm como função regular a liberação de dopamina no cérebro, um dos neurotransmissores do bem-estar. Outra substância presente é o triptofano, aminoácido que é convertido em serotonina, outro neurotransmissor da felicidade.


5. Reduz os efeitos da TPM

As bananas também podem minimizar os problemas relacionados a tensão pré-menstrual, justamente por conter triptofano, um aminoácido que atua como precursor da serotonina, o neurotransmissor relacionado ao prazer e bem-estar. Por isso, a banana contribui para a melhora da insônia, auxilia na redução do estresse e da irritabilidade, o que a torna um ótimo alimento para aliviar a TPM.


Nutrientes da banana

Entre os principais nutrientes presentes na banana, podemos citar:

  • Vitamina A.
  • Vitamina B1.
  • Vitamina B2.
  • Vitamina B3.
  • Vitamina B5.
  • Vitamina B6.
  • Vitamina B9.
  • Vitamina C.
  • Vitamina E.
  • Açúcares naturais.
  • Cálcio.
  • Magnésio.
  • Potássio.
  • Selênio.
  • Manganês.

Tipos de Banana

Não existe um tipo que seja muito melhor nutricionalmente que as outras. O valor nutritivo varia ligeiramente para cada espécie, mas todas as bananas têm características semelhantes.

Existe apenas uma diferença sutil no aroma, no sabor e na textura delas.

  • Banana-da-terra: Boa para cozinhar, assar ou fritar.
  • Banana prata: Ideal para preparação de vitaminas e comer in natura.
  • Banana maçã: Excelente para comer ao natural e fazer purês.
  • Banana nanica: Indicada para fazer bolos.
  • Banana-ouro: É a menor e mais doce, boa para adoçar bolos e vitaminas.

Em relação a quantidade de bananas para se alimentar durante o dia, não existe uma determinação geral, visto que cada pessoa é um caso. No entanto, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), deveríamos consumir 5 frutas diariamente, de preferência diferentes, a fim de obter nutrientes diversificados.

Portanto, consumir de 1 a 2 bananas ao dia seria o ideal, mas é importante consultar um nutricionista para saber qual seria o melhor para seu organismo.


LEIA MAIS:
O porquê você deve incluir o abacaxi na alimentação
Aumento do consumo de álcool no isolamento social preocupa
Alimentação saudável: dicas para comer melhor

Infohealth
Primeiro site de notícias de saúde do Brasil.

Faça um comentário

Deixe seu comentário

Artigos Relacionados

Redes Sociais

3,125FãsCurtir
603SeguidoresSeguir
55SeguidoresSeguir

Atualizações

Somente 1% de adolescentes do sexo masculino vai ao médico

Pesquisa foi feita com 267 estudantes de escolas públicas e privadas de 12 estados brasileiros de ambos os sexos, sendo 170 meninos e 87 meninas.

Doutor, você errou: breves dilemas e diretrizes sobre a caracterização do erro médico.

O erro aflige não somente o paciente que sofreu a intervenção médica ou o tratamento incorreto, mas também o médico envolvido, que terá de arcar com sérias consequências jurídico-disciplinares em função do equívoco.

Hepatites virais somam 40 mil casos no Brasil

No ano passado, de acordo com o Ministério da Saúde, foram notificados 37.773 casos da doença, que pode ser causada por cinco tipos de vírus: A, B, C e D.

Estudo com 50 mil pessoas aponta segurança da Coronavac contra covid-19

Instituto Butantan conduz no Brasil os testes clínicos da vacina contra o coronavírus na fase 3, realizados em quase 6 mil voluntários.

Johnson inicia teste final da vacina para Covid-19 em 60 mil pessoas

A Johnson & Johnson anunciou nesta quarta-feira (23) o início do ensaio final da potencial vacina a Covid-19, de injeção única, com...