Brasil chega a 526,4 mil casos e 29,9 mil mortes por covid-19

0
567

O balanço diário divulgado pelo Ministério da Saúde trouxe 12.247 novas pessoas infectadas pela covid-19, totalizando 526.447, nesta segunda-feira (01). Até o momento, o país registra 29.937 mortes, sendo que 623 foram registrados nos sistemas de informação oficiais nas últimas 24h.

Do total de casos confirmados, 285.430 estão em acompanhamento e 211.080 foram recuperados. Há ainda 4.412 óbitos sendo analisados.

Desde 22 de maio, o Brasil é o segundo país com mais casos confirmados do novo coronavírus, atrás apenas dos Estados Unidos, que registra 1,8 milhão de casos, segundo balanço global feito pela universidade norte-americana Johns Hopkins. O país é o quarto no ranking de mortes atrás da Itália (33.475), do Reino Unido (39.127) e dos Estados Unidos (104.812).

São Paulo se mantém como epicentro da pandemia no país, concentrando o maior número de falecimentos (7.667). O estado é seguido pelo Rio de Janeiro (5.462), Ceará (3.188), Pará (2.925) e Pernambuco (2.875).


sintese
Fonte: Secretarias Estaduais de Saúde.

Além disso, foram registradas mortes no Amazonas (2.071), Maranhão (976), Bahia (701), Espírito Santo (614), Alagoas (461), Paraíba (370), Rio Grande do Norte (323), Minas Gerais (278), Rio Grande do Sul (232), Amapá (228), Paraná (190), Distrito Federal (171), Piauí (168), Sergipe (166), Acre (161), Rondônia (159), Santa Catarina (146), Goiás (127), Roraima (116), Tocantins (76), Mato Grosso (66) e Mato Grosso do Sul (20).

Já em número de casos confirmados, o ranking tem São Paulo (111.269), Rio de Janeiro (54.530), Ceará (50.504), Amazonas (41.774) e Pará (38.046). Entre as unidades da federação com mais pessoas infectadas estão ainda Maranhão (35.297), Pernambuco (34.900), Bahia (18.898), Espírito Santo (14.069) e Paraíba (13.695).


Análises do Ministério da Saúde apontam que o Brasil segue em tendência de crescimento dos casos e mortes. O diretor-executivo da Organização Mundial da Saúde, Michael Ryan, disse que o pior da pandemia ainda não chegou para o país.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here