AstraZeneca afirma que pode começar a produção da vacina contra covid-19 no início de 2021

0
251

A produção da vacina contra a Covid-19 sob um acordo entre os governos mexicano e argentino e a empresa farmacêutica AstraZeneca pode começar no primeiro trimestre de 2021, disse um executivo da entidade nesta quinta-feira (13).

A chefe da AstraZeneca México, Sylvia Varela, disse na entrevista coletiva diária do presidente mexicano que os testes e análises da Fase III deveriam ser concluídos em até dezembro. A empresa planeja produzir inicialmente 150 milhões de doses para distribuição na América Latina e, eventualmente, fazer pelo menos 400 milhões de doses para a região, acrescentou ela.

“Estaremos priorizando as populações vulneráveis”, disse ela, observando que o custo, embora ainda não seja final, não deve ultrapassar US $4 por dose.

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, anunciou o acordo com o México e a AstraZeneca, na quarta-feira (12). Ele disse que o fornecimento inicial visa atingir toda a América Latina, exceto o Brasil, auxiliado por investimentos da fundação do bilionário mexicano Carlos Slim.

O presidente mexicano, Andres Manuel Lopez Obrador, saudou o acordo como uma “boa notícia” para o México, e disse que espera que o país ainda esteja sofrendo com a pandemia quando a vacina estiver disponível no início do próximo ano.

O México registrou quase 55.000 mortes e quase meio milhão de casos, enquanto o número de mortos na América Latina como um todo está agora perto de 230.000.

Depois de obter as aprovações do governo, disse Varela, a AstraZeneca planeja transferir tecnologia para o INSUD Group da Argentina e para os Laboratorios Liomont do México no final do ano, antes de passar à produção. A substância ativa da vacina será fabricada na Argentina e enviada ao México para ser concluída para distribuição.


LEIA MAIS:
Vacina de Oxford pode ser distribuída este ano, diz Astrazeneca
Diretor do Instituto Butantan defende confiabilidade de vacina chinesa
Teste em humanos da vacina de Oxford contra coronavírus tem resultados positivos


Fonte: Reuters.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here