Bolsonaro escolhe médico Marcelo Queiroga para substituir Pazuello no Ministério da Saúde


O presidente Jair Bolsonaro escolheu o médico e presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Marcelo Queiroga, para substituir Eduardo Pazuello como ministro da Saúde. O médico deixou o gabinete presidencial por volta das 18h30 desta segunda-feira (15) e, segundo interlocutores do presidente, aceitou o convite.

De acordo com o presidente, a nomeação de Queiroga será publicada na edição de terça-feira (16) do Diário Oficial da União e haverá uma transição de “uma ou duas semanas” entre o novo ministro e o antecessor.

Durante coletiva de imprensa nesta segunda, o então ministro Eduardo Pazuello fez um balanço das suas ações à frente da pasta e admitiu que o presidente Jair Bolsonaro está em “tratativas” para reorganizar o Ministério da Saúde. “Enquanto isso não for definido, a vida segue normal. Eu não estou doente, eu não pedi ara sair e nenhum de nós do nosso executivo está com problema algum. Nós estamos trabalhando focados na missão. Quando o presidente tomar sua decisão, faremos uma transição correta como manda o figurino”, destacou.

No domingo (14) e nesta segunda (15), Bolsonaro conversou com a médica Ludhmila Hajjar para assumir o cargo, mas ela afirmou que não aceitaria convite para se tornar ministra.


*Matéria em atualização

Foto: reprodução Twitter


LEIA MAIS:
Brasil tem 562 milhões de doses de vacina contra Covid-19 contratadas em 2021
Butantan envia mais 3,3 milhões de doses de vacina ao Ministério da Saúde
O que é esta tal de “Anvisa” e qual o seu papel na aprovação das vacinas contra o coronavírus?

Infohealth
Primeiro site de notícias de saúde do Brasil.

Faça um comentário

Deixe seu comentário

Artigos Relacionados

Redes Sociais

3,814FãsCurtir
603SeguidoresSeguir
56SeguidoresSeguir

Atualizações