Anvisa recomenda suspensão de vacina da AstraZeneca em gestantes

0
194

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou nesta segunda-feira (10) a suspensão imediata da vacina AstraZeneca/Oxford contra a Covid-19 para mulheres gestantes.

A agência reguladora orienta que a bula atual da vacina da AstraZeneca seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), cujo uso em gestantes não consta. A Anvisa aponta que a decisão é resultado do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas contra a Covid-19 que estão sendo aplicadas no país.

“O uso off label de vacinas, ou seja, em situações não previstas na bula, só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. A bula atual da vacina contra Covid da AstraZeneca não recomenda o uso da vacina por gestantes sem orientação médica”, informa a agência em nota emitida.

Inúmeros estados brasileiros já estão seguindo a orientação da Anvisa e suspendendo a imunização de gestantes com a vacina AstraZeneca/Oxford até segunda ordem. Entre os estados estão: São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte e Bahia.

A vacina AstraZeneca, da Universidade de Oxford e laboratório AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), é um dos três imunizantes que estão sendo aplicados no Brasil, junto com a vacina Coronavac, do Instituto Butantan com a farmacêutica Sinovac, e a vacina da Pfizer.


Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here